A legalização da maconha

CANNABIS SATIVA Conhecida entre a população como Maconha,ultimamente a legalização desta droga esta sendo discutida em vários meios de comunicação, conheça os pontos bons e ruins da Cannabis.

 Pontos Bons:

1-A Cannabis pode produzir 28 mil produtos entre roupas e alimentos

2-Harry Ford produziu um carro com fibra de Cannabis no qual seu combustível era o óleo da semente da planta,infelizmente anos depois a  idéia foi sufocada pelo preconceito,que foi colocada na mente humana pela as indústrias do petróleo. 

3-A Cannabis pode ser usada para fins medicinais na China ela e usada como anestésico,além disso ela diminui o enjôo provocado pela quimioterapia contra o câncer.

Pontos Ruins:

1-Com a legalização o aumento do número de usuários, com a facilitação do acesso a droga;

2- O Custo do tratamento aumentaria (Se as pessoas não podem paga um tratamento hoje imagina quando aumenta)

3-A maconha levaria a drogas mais pesadas.

4-Inconvenientes sociais, devido aos efeitos alucinógenos da maconha, alguns usuários, principalmente os menos experientes, cairiam de produção na escola e no trabalho,causando um mega colapso social.

                                                                        Conclusão:

O Cannabis deveria sim ser legalizada só para fins  sócio-econômicos ou medicinais.

E você,o que acha?

Você e a favor ou contra?Deixe-nos um comentário,responda a enquete,se expresse!

Anúncios

Publicado em 07/06/2011, em Brasil, Diversos, Medicina. Adicione o link aos favoritos. Deixe um comentário.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: